RSS

Cântico Negro

25 Out

“Vem por aqui” – dizem-me alguns com os olhos doces
Estendendo-me os braços, e seguros
De que seria bom que eu os ouvisse
Quando me dizem: “vem por aqui!”
Eu olho-os com olhos lassos,
(Há, nos olhos meus, ironias e cansaços)
E cruzo os braços,
E nunca vou por ali…

A minha glória é esta:
Criar desumanidade!
Não acompanhar ninguém.
– Que eu vivo com o mesmo sem-vontade
Com que rasguei o ventre à minha mãe

Não, não vou por aí! Só vou por onde
Me levam meus próprios passos…

Se ao que busco saber nenhum de vós responde
Por que me repetis: “vem por aqui!”?

Prefiro escorregar nos becos lamacentos,
Redemoinhar aos ventos,
Como farrapos, arrastar os pés sangrentos,
A ir por aí…

Se vim ao mundo, foi
Só para desflorar florestas virgens,
E desenhar meus próprios pés na areia inexplorada!
O mais que faço não vale nada.

Como, pois sereis vós
Que me dareis impulsos, ferramentas e coragem
Para eu derrubar os meus obstáculos?…
Corre, nas vossas veias, sangue velho dos avós,
E vós amais o que é fácil!
Eu amo o Longe e a Miragem,
Amo os abismos, as torrentes, os desertos…

Ide! Tendes estradas,
Tendes jardins, tendes canteiros,
Tendes pátria, tendes tectos,
E tendes regras, e tratados, e filósofos, e sábios…
Eu tenho a minha Loucura !
Levanto-a, como um facho, a arder na noite escura,
E sinto espuma, e sangue, e cânticos nos lábios…

Deus e o Diabo é que guiam, mais ninguém.
Todos tiveram pai, todos tiveram mãe;
Mas eu, que nunca principio nem acabo,
Nasci do amor que há entre Deus e o Diabo.

Ah, que ninguém me dê piedosas intenções!
Ninguém me peça definições!
Ninguém me diga: “vem por aqui”!
A minha vida é um vendaval que se soltou.
É uma onda que se alevantou.
É um átomo a mais que se animou…
Não sei por onde vou,
Não sei para onde vou
– Sei que não vou por aí!

 
3 Comentários

Publicado por em Outubro 25, 2008 em José Régio

 

3 responses to “Cântico Negro

  1. Laura

    Abril 13, 2009 at 3:37 pm

    Venho apenas deixar as coordenadas dos meus dois blogues:

    URL: http://jardinsdelaura.blogspot.com/
    URL: http://mariamoura1959.spaces.live.com/

    You’ll be WELCOME! Hope to see you soon… and please feel free to leave your comments! Thanks.

     
  2. Laura

    Abril 13, 2009 at 3:28 pm

    É claro que já conhecia, mas soube-me bem relembrar… e levou-me quase de imediato ao “Operário em construção” de Vinicius de Moraes! Em comum a mesma teimosia ou melhor a mesma coragem… dizer Não às forças bestialmente superiores de tão constrangedoras e castrantes!
    Tanto mais que se torna cada vez mais raro, sobretudo desde que (como último argumento) fazem apelo ao sentido de responsabilidade e à enorme capacidade de sacrifício do pobre e/ou trabalhador para aguentar (a “crise” agora mundial e todos os seus efeitos co-laterais) e assim servir de “bom” exemplo ao comum dos cidadãos!!!
    Ahhh pois… eles ainda não esgotaram todos os argumentos para nos convencerem A IR POR ONDE QUEREM QUE A GENTE VÁ ou a dizer SIM em vez de Não!

     
  3. gabriel queiroz

    Dezembro 6, 2008 at 4:00 am

    Muito belo Maria Bethainia no Paulco do Canecao – descalça com um lindo vestido branco -“modificou minha vida com essa linda poesia.

     

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: